Logotipo Coonect.se
Banner Liderança Tóxica ou Chefia Tóxica? Banner Liderança Tóxica ou Chefia Tóxica?
Gestão
01/04/2021 Alessandra Assad

Liderança Tóxica ou Chefia Tóxica?

Se é tóxico, não pode ser líder! Já ouvi muitas vezes esta questão. O que não fica claro é a diferença entre líderes e chefes tóxicos. É exatamente o que eu vou explicar a partir de agora para você. Vamos começar entendendo o conceito. 



O que é liderança tóxica? 


É toda liderança capaz de gerar dores de qualquer tipo, físicas ou psicológicas. Há líderes que, por diversos motivos (por trauma infantil, sede de poder, baixa autoestima, excesso de autoconfiança, entre outras coisas) nasceram para criar novas dores, para pisar nas pessoas, para interferir nos seus resultados e, principalmente para destruir o equilíbrio emocional de seus liderados, criando uma dependência deles.


Esses são os tiranos. Os chefes tóxicos. Podem ser reconhecidos de longe. Não deixam dúvidas, através de seus comportamentos, ora agressivos, ora sedutores. E muitas vezes são mantidos nas estruturas organizacionais por conta de seus resultados positivos de curto prazo.



Eu não!



Os líderes tóxicos, por sua vez, são silenciosos. Poderia ser eu, você, ou o seu colega ao lado. Talvez você esteja se perguntando: eu? Sim, você. O fato é que todos nós temos algum nível de toxicidade, seja líder, liderado, pai, mãe, irmão ou primo. A questão é como estamos controlando tudo isso.


As emoções fazem parte do ambiente corporativo. Eu diria que são um subproduto, inclusive. Dificilmente conquistamos sucesso sem algum tipo de dor. Ela pode ser nociva (contagiosa) ou curativa (contagiante).


Tudo depende do quanto o líder está preparado para ser um manipulador eficiente de toxinas. o manipulador de toxina não está livre de ser um líder tóxico também, porém o trabalho dele consiste em ajudar a restaurar a esperança, a confiança e a alegria no ambiente corporativo. Muitas vezes é algo que o líder deve estar preparado para antecipar. Tirar a dor de uma pessoa, sem se envolver com ela e jogar no mar.



Manipulando Toxinas




Eles reagem à dor de várias formas, mas seu trabalho tende a refletir cinco temas principais:


1 - Ouvir a dor

2 - Reservar espaço para a cura

3 - Amortecer a dor

4 - Criar relacionamentos

5 - Transformar a dor


É importante que fique claro que nem toda toxina surge de coisas ruins, como assédio virtual, sexual, moral ou verbal. Ainda que estas sejam verdadeiramente comuns. Superproteção, promessas não cumpridas, excesso de amor, férias forçadas, ou tudo aquilo que gere um sentimento de angústia ou dor. Muitos filhos relatam que passam por isso com as suas mães. Sentem-se sufocados e relatam a toxicidade, por excesso de amor. Um típico exemplo de Liderança Tóxica. 



Sou contagiante ou contagioso?



Entendeu agora como é fácil ser um líder tóxico sem perceber? E como descobrir de seu sou contagioso ou contagiante? É preciso saber reconhecer os sinais que os seus liderados emitem quando estão no seu limite de toxicidade. 


Leve em consideração, porém, a personalidade de cada um. Quanto mais você conhecer os seus liderados, melhor poderá fazer esta avaliação. São sintomas de pico de estresse, o que sinaliza que você está sendo tóxico:


- Queda vertiginosa da qualidade do trabalho

- Cansaço frequente

- Irritabilidade

- Indecisão

- Baixas médicas frequentes

- Dores de cabeça, enxaquecas, dores de estômago, náuseas constantes

- Nervosismo

- Nível de tolerância zero

- Fraco julgamento

- Mudanças nos hábitos de trabalho

- Atrasos frequentes

- Dispersão durante o expediente

- Sobrepeso repentino


Descobrir que você é um líder tóxico não é o fim do mundo. O fim do mundo mesmo é você morrer sem descobrir que foi. Vamos estudar para evitar tudo isso? Confira o conteúdo "Onde está seu coração?"





* Alessandra Assad é Master of Science in Business Administration in Neuromarketing na instituição de ensino Florida Christian University, é jornalista especializada em management, com MBA em Direção Estratégica e Mestrado em Neuroliderança. Professora nos MBAs da Fundação Getulio Vargas em todo o Brasil, ESIC Internacional, professora no Master of Science in Business Administration in Neuromarketing na Florida Christian University. Palestrante internacional e CEO da ASSIM ASSAD - Desenvolvimento Humano. Autora dos livros Atreva-se a Mudar!, Leve o Coração para o Trabalho e A Arte da Guerra para Gestão de Equipes e Liderança Tóxica.

Conteúdos Relacionados

Tendências de Gestão de Pessoas: Qual é o nosso desafio?

Gestão

Tendências de Gestão de Pessoas: Qual é o nosso desafio?

Sabemos que estamos vivendo tempos diferentes, onde a mudança tem três elementos importantes, tanto para pessoas quanto para organizações: velocidade; conhecimento profundo e tecnologia.
Ler Post
Futuro do Trabalho: Adaptação das estratégias do RH

Gestão

Futuro do Trabalho: Adaptação das estratégias do RH

O futuro do trabalho, é um assunto difícil de ser abordado, visto que, já é possível visualizar seus sinais em nossa sociedade atual. Para facilitar seu entendimento, nossa especialista Anna Cherubina traz detalhes valiosos sobre este assunto. Confira!
Ler Post
Gestão por Competências: Mapeamento de competências

Gestão

Gestão por Competências: Mapeamento de competências

A gestão por competências se estabelece, de fato, na medida em que está alinhada ao planejamento estratégico da organização. Confira em detalhes o que é a Gestão por Competências e como aplicá-la corretamente em sua organização.
Ler Post
A jornada do colaborador depende da segurança psicológica!

Gestão

A jornada do colaborador depende da segurança psicológica!

Nossa especialista Aline Dotta, explica em detalhes como a Jornada do Colaborador está ligada diretamente a segurança psicológica do profissional. Confira!
Ler Post
Felicidade e Espiritualidade no trabalho: Por que sua empresa precisa saber?

Gestão

Felicidade e Espiritualidade no trabalho: Por que sua empresa precisa saber?

Você sabe por que se tem produzido tanto conteúdo sobre felicidade e espiritualidade? Alguém já te perguntou se você é feliz no trabalho? Se isso te deixou inquieto, siga comigo, mas se ficou confortável, fique preocupado.
Ler Post
Gestão da Experiência do Colaborador: Sua empresa precisa ser especialista nessa atividade!

Gestão

Gestão da Experiência do Colaborador: Sua empresa precisa ser especialista nessa atividade!

O mundo mudou, um novo paradigma chegou com a Revolução Industrial 4.0 e Revolução Social 4.0, produção de serviços, conhecimento e crença da competitividade do século XX deixa lugar a nova crença do século XXI, a cooperação.
Ler Post
Trabalho Remoto: Como ser produtivo em Home Office?

Gestão

Trabalho Remoto: Como ser produtivo em Home Office?

Trabalho remoto se tornou comum para milhares de pessoas espalhadas pelo mundo inteiro. Trabalhar em casa pode ser mais desafiador do que parece, exigindo muita disciplina e foco. Pensando nisso, convidamos nosso especialista Jorge Bruno, para dar algumas
Ler Post
Onde está o seu coração?

Gestão

Onde está o seu coração?

Conheça os fatores para maximizar o sucesso da sua empresa, fazendo seus colaboradores levarem o coração para o trabalho.
Ler Post
Ícone Whatsapp