Logotipo Coonect.se
Banner Como inovar uma empresa: Gestão da Inovação nos negócios Banner Como inovar uma empresa: Gestão da Inovação nos negócios
Inovação
19/01/2022 Coonect.se

Como inovar uma empresa: Gestão da Inovação nos negócios

Quando pensamos nos pilares que transformam pequenas empresas em grandes conglomerados, automaticamente nos focamos na ideia de inovação. Inovar e ter uma cultura da inovação, que resulta numa gestão da inovação, é um dos passos fundamentais para qualquer negócio crescer e se consolidar de vez num mercado cada vez mais competitivo.


Neste artigo vamos conhecer o conceito por trás de inovação, e como se apresenta a gestão da inovação, dinâmica corporativa que viabiliza produtos e serviços inovadores ou diferenciados e que permitem que empresas cresçam de forma exponencial. Além disso, veremos como avaliar o potencial inovador de seu negócio. 


Inovação 

Inovar dentro do universo corporativo não é simplesmente criar algo novo e revolucionário e ganhar o mercado, e muito menos se relaciona somente com a ideia de criar. 


Inovar é um processo que pode ser longo e que pressupõe uma equipe capacitada para pensar, analisar e colocar em prática inovações dentro de uma empresa. 


Inovar x descobrir x inventar 

Assim, inovar deve ser logo de imediato colocado em um grupo bem distante de outros dois, que seriam o da descoberta e o da invenção. A descoberta nasce normalmente de pesquisas científicas, e a invenção normalmente é a criação de algo que surge para resolver de vez um problema.


Já a inovação se apresenta como algo que pode ter sido inventado, mas não colocado em perspectiva comercial. Ou além, pode ser um diferencial com o poder de melhorar bastante um produto ou serviço já existente.


Inovação e tecnologia 

Uma pequena análise na lista das 500 mais valiosas empresas do mundo e logo vamos perceber que mais da metade dela é composta por empresas do ramo de tecnologia como Amazon, Google, Facebook e Apple. 


Há pouco mais de 10 anos essa lista era bem diferente, e dominada por empresas tradicionais, como petrolíferas e bancos.


O que aconteceu? 


Bem, empresas como Amazon, Facebook, Google e Apple possuem como princípio, como coluna vertebral de toda a sua estrutura a idéia de gestão da inovação, que é feita através da contratação de equipes especializadas, além da aplicação de técnicas de inovação.


Gestão da Inovação 

A gestão da inovação dentro de uma empresa se mostra como a construção de um processo contínuo que viabiliza uma cultura de inovação através de uma dinâmica que nasce e se desenvolve para depois ser colocada em prática. Para isso se faz necessário uma equipe capacitada que estabelece meios que geram valor através da concretização de idéias.


Colocando isso de forma mais didática, a gestão da inovação se estrutura para que ideias sejam geradas, implementadas e gerenciadas de forma ordenada. Porque ideias inovadoras sem gerenciamento tendem a não entregar os resultados necessários.


O setor de inovações então analisa através de uma equipe a demanda de idéias e a sua viabilização prática, e nesse caso se observa uma série de fatores, como financeiros, humanos, estratégicos, tecnológicos, dentre outros.


Gestão da Inovação e tecnologia 

Falando novamente de tecnologia, é perceptível que a gestão da inovação nas empresas de tecnologia ganha mais destaque, e isso acontece porque o mercado de produtos tecnológicos (notebooks, tablets, smartphones) ou serviços com base tecnológica possuem um público muito grande e global, e por isso é uma área que impacta muito as pessoas.


Mas não é verdade que gestão da inovação possui uma estruturação que somente dá certo em empresas de tecnologia. Pelo contrário, são muitas as áreas que você pode criar dentro de seu negócio uma cultura da inovação e recrutar uma equipe capacitada para gerenciar toda esta dinâmica.


A importância da gestão da inovação 

Podemos definir com uma frase a importância que uma gestão da inovação possui numa empresa: 'a empresa que não se atualizar, não sobrevive'. 


Sim, em um mundo global, onde as tecnologias são atualizadas diariamente, e as empresas as utilizam a todo o momento para aperfeiçoar técnicas, otimizar a produtividade, ou melhorar sua estrutura ou dinâmica de produção, quem não se adequa corre o sério risco de ficar para trás.


Em contrapartida, quem buscar construir uma gestão focada em inovação, tende a ganhar bastante em competitividade, certamente terá a sua marca valorizada e abrirá caminho para a conquista de novos mercados.


Avaliando o potencial da Gestão da inovação na sua empresa 

Uma gestão da inovação não deve ser praticada em sua empresa sem antes você entender exatamente o potencial que ela possui.


Aprimorar o que já existe 

Para isso, você precisa primeiro observar se os serviços e produtos que o seu negócio possui estão inteiramente otimizados, sem brechas para melhoras ou aperfeiçoamentos. 


E se dentro desta perspectiva se há espaço para elementos inovadores que viriam a ganhar espaço na produção e ganhar mercado na disputa com concorrentes.


Buscar novos caminhos e mercados 

Nesta perspectiva você precisa buscar mercados semelhantes em que ainda não houve um projeto de ingresso. Nesse caso é preciso que a empresa já domine o seu nicho, seu setor, e busque ampliar a base de consumo, com novas abordagens para novos mercados.


Arriscando mais com idéias inovadoras 

O que deve ser potencializado neste momento é a possibilidade de investir em ideias que ainda não foram pensadas num contexto prático. 


São ideias mais ousadas, e que por conta disso são mais arriscadas, e que precisam ser colocadas em teste para serem ou não validadas e desta forma partir para um projeto mais concreto.


Entendendo o seu negócio 

É preciso entender todas estas distinções para saber com o máximo de exatidão o estágio em que o seu negócio se encontra. Assim, você saberá investir na perspectiva correta, seja em aperfeiçoar o seu portfólio, ou otimizar a linha produtiva, seja buscando novos caminhos e mercados ou por fim inovando de uma forma mais arriscada e ousada.


Praticando a gestão da inovação em seu negócio 

A partir do momento que há entendimento sobre qual o lugar que o seu negócio está neste momento, então você está apto a implementar uma gestão da inovação na sua empresa.


Para isso, alguns passos são necessários.


Entendendo o contexto mais geral 

Neste primeiro momento é importante identificar o trabalho que a gestão da inovação terá pela frente. Ele será direcionado para aperfeiçoar produtos ou serviços já existentes? Será direcionado para otimizar processos e sistemas de produção? A partir desta constatação a equipe de trabalho vai nortear as ações;


Crie uma cultura da inovação 

Criar uma cultura de inovação no seu negócio não é tarefa fácil, mas deve ser implantada desde sempre. Criar um ambiente onde os colaboradores têm voz e podem expor suas idéias é um primeiro passo. 


A meta é construir um ambiente que seja propício à inovação, e para isso este ambiente deve ser saudável, livre de toxicidades, com livre abertura para opiniões, e um projeto para integrar de maneira harmônica e orgânica as suas equipes de trabalhos.


Incentive a criatividade entre sua equipe 

A inovação normalmente nasce de idéias que membros de sua equipe têm em momentos dos mais diversos. Então nada mais ideal do que encorajar e estimular a criatividade entre os seus colaboradores e entre a sua equipe. 


Incentivar que pessoas opinem, e usem a criatividade para pensar fora da caixa é meio caminho andado para que o seu negócio implemente uma cultura da inovação que vai estar em consonância com a gestão da inovação praticada pela sua empresa;


Desenvolva processos e projetos 

Desenvolva um processo com fases diferenciadas para que as ideias externadas em reuniões e em ambientes propícios sejam postas de forma eficiente para fases seguintes. Assim, é preciso que se estabeleça um momento para que ideias sejam apresentadas. 


Depois há a necessidade de uma fase seguinte para que se filtre o que de melhor foi pensado e criado para que logo depois haja um estudo de viabilidade técnica, financeira, tecnológica e estratégica para estas ideias. 


A partir de então temos a seleção de ideias e o cronograma para que ela seja colocada em teste e depois em prática. A gestão da inovação será responsável por todas estas etapas e terá um papel fundamental para a colocação de tais ideias no mercado.


Conclusão 

Diante das promessas de inovar, muitas empresas pensam e questionam como podem se preparar para abordar o tema inovação na agenda dos executivos. Inovar é uma tarefa importante e que demanda tempo, dinheiro, paciência e principalmente muita dedicação.

 

A fórmula para inovar não existe. Porém a força para inovar pode existir, desde que a empresa esteja disponível para criar um conjunto de elementos que favoreçam o processo de inovação. Todavia, é importante ter em mente, que a inovação não é um produto de prateleira e sim um resultado de muito esforço em conjunto com as partes interessadas.

 

De qualquer forma, a primeira abordagem ao tema inovação na agenda dos executivos precisa considerar o Knowledge Stock da organização e perceber se está coerente com as necessidades/desafios da gestão do negócio.

 

Para isso é importante alinhar qualquer decisão de inovação com a estratégia do negócio. Compreender os processos de trabalho que estão alinhados com a execução da estratégia e de que forma esses podem ser geridos por determinadas competências.

 

Em caso de não estar apta (organização) para iniciar a abordagem é importante avaliar qual fornecedor tem know-how para conduzir um processo de inovação, potencializando as chances de inovar. Porém, não esqueça que, 100% de inovação em todas as abordagens é impossível. 


A inovação é um recurso extremamente útil para ganho de vantagem competitiva. Porém deve ser planejada com muita calma, e de forma sustentável ao negócio. Tenha a inovação na sua empresa como um compromisso de longo prazo.

 

Para saber mais sobre inovação e como escolher um parceiro fornecedor, leia o seguinte post: O meu fornecedor é o melhor!


Confira outros conteúdos como este em nosso blog.


Conteúdos Relacionados

A minha empresa tem potencial para inovar. Será?

Inovação

A minha empresa tem potencial para inovar. Será?

Muitas empresas acreditam que a inovação é simplesmente produzir um conjunto de ideias. No entanto, as ideias podem ser percebidas como um elemento fundamental e inicial à inovação.
Ler Post
Negócios sustentáveis estão em empresas que aprendem

Inovação

Negócios sustentáveis estão em empresas que aprendem

Para quem está acostumado a investir em negócios apenas numa ótica bidimensional, risco e retorno, é bom saber que o mundo atual alerta para outra variável: impacto socioambiental.
Ler Post
O meu fornecedor é o melhor!

Inovação

O meu fornecedor é o melhor!

Todo fornecedor é considerado o melhor! Porém nem sempre o melhor é o ideal no momento do negócio. Assim, cada fornecedor pode contribuir com o cliente, adequando a necessidade com a realidade do negócio.
Ler Post
Economia 4.0: Sua empresa está preparada?

Inovação

Economia 4.0: Sua empresa está preparada?

A Economia 4.0 nada mais é do que a evolução do processo industrial do modo analógico para a integração com o processo digital. Confira o artigo completo.
Ler Post
Ícone Whatsapp